Mestrado Acadêmico

O Curso de Mestrado tem por objetivo aprofundar o conhecimento profissional, promover a competência científica, aprimorar a docência e possibilitar o desenvolvimento da habilidade de executar pesquisa em Infectologia e outras áreas afins


1. Pré-Requisitos

1.1. Diploma universitário na área de Saúde.

1.2. Excepcionalmente poderão ser admitidos no curso profissionais de nível superior de outras áreas, desde que haja interesse do orientador credenciado e que o critério de aprovação esteja de acordo com as Normas do Programa aprovados pela CEPG.


2. Obtenção de Título

2.1. Obter no mínimo 25 (vinte e cinco) unidades de créditos, resultantes de sua participação em cursos, reuniões científicas e atividade didática, aprovados pela CEPG do Programa. A unidade de crédito corresponde a 15 (quinze) horas de atividades programadas ou supervisionadas;

2.2. Cumprir as disciplinas obrigatórias (análise estatística, didática e bioética - para alunos médicos) do Programa e as aulas obrigatórias a todos os pós graduandos;

2.3. Apresentar a dissertação dentro dos padrões estabelecidos pelo Programa e que demonstre sua capacidade de sistematização dos conhecimentos e de utilização dos métodos e técnicas de investigação científica e tecnológica.

2.4. Aprovação da dissertação de Mestrado por Banca Examinadora.

2.5. Poderá haver a extensão de no máximo até três meses no prazo estipulado de 24 meses mediante solicitação do Orientador e avaliação da CEPG.

2.6. O período de trancamento de matrícula, caso ocorra, será computado nos prazos estabelecidos de acordo com o regimento geral do Conselho de Pós-graduação e Pesquisa (CPGPq) da UNIFESP.

2.7. Aprovação no exame de qualificação  (6 meses antes do término da matrícula)


3. Para agendamento da defesa:

3.1. créditos completos - (25 créditos para o mestrado), incluindo as disciplinas obrigatórias.

3.2. comprovar proficiência em inglês.

3.3. cópia do parecer de aprovação do comitê de ética da UNIFESP.

3.4. desejável que apresente carta do periódico acusando o recebimento da submissão do artigo para publicação, na impossibilidade poderá apresentar a carta do periódico em até 6 meses após a defesa.


3. Bolsas

O programa possui uma cota de bolsas CAPES. É feito uma análise curricular (CV LATTES e projeto do candidato)  pela Comissão de Ensino da Pós Graduação que é composta pelos Professores/Orientadores do programa.

Quanto a disponibilidade: As bolsas CAPES são disponibilizadas ao termino do projeto do aluno que ocorre assim que o mesmo concluí seu projeto ou termina o prazo estipulado para o recebimento. O prazo da bolsa para mestrado é de até 24 meses.

Observação: É desejável que o bolsista termine seu projeto antes do prazo máximo, assim ele contribui com o financiamento de outro projeto ('sua bolsa (a cota)' é disponibilizada para outro aluno). As bolsas serão concedidas , caso  sejam atendidas as regras do Programa e das agências de fomento. 

Nota:Os interessados em bolsas deverão/poderão submeter projetos para outras agências financiadoras.

É habitual que os bolsistas CAPES e CNPq do programa em infectologia, submetam seus projetos para concorrerem a bolsas ofertadas pela FAPESP.

A critério do orientador e com anuência da Coordenação do Programa o aluno poderá exerecer atividade remunerada desde que cumpridas as exigências das agências de fomento e do Programa.

Deverá ser entregue formulário de autorização de vínculo empregatício (a secretaria disponibiliza) juntamente com cópia da carteira de trabalho.

Daremos prioridade aos alunos que não possuem vínculo empregatício.

 


INGRESSO NO MESTRADO ACADÊMICO

© 2013 - 2018 Universidade Federal de São Paulo - Unifesp

Hospital São Paulo  •  Rua Napoleão de Barros, 715/737 - 7° andar - Vila Clementino • CEP 04024-002  São Paulo - SP 

telefone: 11 5576-4848 - voip 2557  - infectologia.pg.dipa@unifesp.br
+55 11 5576 4848 Ramal 2557   •  infectologia.pg.dipa@unifesp.br